sábado, 8 de novembro de 2008

Fim dos tempos

     
Nome original: The Happening
Direção: NightM. Night Shyamalan
Elenco: Mark Wahlberg, Zooey Deschanel, John Leguizamo
Gênero: Suspense
Ano: 2008




      Na região nordeste dos EUA, uma toxina liberada no ar (mais tarde descobrimos que é pelas plantas) gera uma onda de suicídios entre a população. Lendo assim, até parece que a trama é excitante, mas infelizmente, M. Night Shyamalan conseguiu escrever um dos piores suspenses que já vi.
     Os filmes desse diretor ("A vila", "A Dama na Água", "O Sexto Sentido") mostram que ele possui coragem e ousadia para desafiar os críticos hollywoodianos. Em "A Dama na água" quando todos massacravam-no pelo mau-gosto, eu até gostei do filme. O mesmo não aconteceu com "Fim dos tempos". Percebe-se uma semelhança entre os dois: ambos têm personagens e enredo EXCÊNTRICOS. O problema é que nesse novo chega a ser ridículo.
     Não se sabe o que é pior: as atuações ou os próprios personagens. O principal é o professor colegial, Elliot, que, junto com sua mulher e sua "recém-adotada" filha, fica fugindo dos ventos que trazem a maldita toxina durante todo o filme. Mark Wahlberg deve ser parabenizado por interpretar Elliot com uma atuação tosca, como aquelas encontradas em "Todo Mundo em Pânico" (a diferença é que nesse, elas são engraçadas). Soma-se a isso piadinhas escrotas que só te fazem pensar: "Que estou fazendo aqui?".
     A intenção do diretor foi passar a visão de como somos nocivos à natureza e que ela agora, nos tem como seres tão prejudicias que chegam a desenvoler métodos para nos manter afastados. Assim como no filme, estamos nos matando cada vez que destruimos o meio-ambiente. O problema é como ele escolheu passar essa lição. Para mim, não passa de um suspense barato como "Guerra dos mundos", mas pelo menos este tem realmente suspense e bons efeitos especais. Além de ser péssimo em geral, a trilha sonora contribui para aumentar o nível de ridicularidade tentando criar um clima de terror onde não há.
     Por todo o filme ficamos esperando algo de extraordinário acontecer. Mas nunca chega. A única coisa que merece elogios é o cenário e o tipo de filmagem que proporciona cenas bonitas. Só.



     

2 comentários:

Marina Gabriela disse...

nossa herique quando eu começei a ler até achei q vc estava sendo amargo d+, mas quando vc comparou fim dos tempos com guerra dos mundos aí eu pensei puts... esse filme dev sr realmente uma porcaia

Nely Ladislau disse...

Eu assisti recentemente e achei a atuação do protagonista péssima, os textos fracos e uma sequência de fatos sem sentido no decorrer do filme, como a casa-modelo e a última senhora que eles se hospedam no filme.